Agora: A Voz do Povo

​Prefeitura e Corpo de Bombeiros efetuam identificação e retirada de árvores que oferecem riscos a população

Decom em 30/09/2019 às 17:41. Lida 331 vezes.

Visando garantir a segurança das pessoas, a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente (Sama) fez a identificação de árvores que ofereciam risco eminente de queda em algumas áreas urbanas de Sorriso. Na manhã desta segunda-feira (30), homens do Corpo de Bombeiros fizeram o corte e a retirada de algumas espécies da Área Verde Central.

Conforme salienta o coordenador Núcleo Integrado de Fiscalização (NIF), Reinaldo Nunes, após a avaliação dos técnicos da Sama, constatou-se o risco de queda, e, portanto, a necessidade de sua supressão. “Precisávamos garantir a segurança das pessoas que transitam pelas áreas verdes de Sorriso. A Prefeitura, por meio do NIF, Sama e Defesa Civil, em parceria com o Corpo de Bombeiros, identificou e está realizando a retirada dessas árvores”, explica.

Com início do período chuvoso, aumentam as incidências de queda de árvores, devido a fortes ventos e sedimentação do solo. No fim de semana, dias 28 e 29, algumas espécies foram retiradas do Parque Ecológico Municipal Claudino Francio.

Ainda conforme o coordenador do NIF, a supressão de árvores é permitida por lei quando apresenta riscos de queda e de galhos. Dentre os critérios de avaliação estão o seu estado fitossanitário (presença de parasitas, plantas epífitas, fungos etc.) raízes muito aparentes que indiquem a superficialidade das mesmas, troncos degenerados por pragas e em estágios de decomposição que indiquem a falta de sustentação da copa, entre outras avaliações realizadas por um profissional habilitado.

Reinaldo também lembra que a poda e o corte de árvores em área urbana, mesmo que de espécies exóticas, é regulamentada pela Lei Municipal Nº 2762, de 11 de setembro de 2017 e, portanto, passível de autorização ambiental do município. “O morador que observe qualquer necessidade, deverá dirigir-se à Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente para solicitação a autorização”, ressalta.

Imagens

Enquete


Você é contra ou a favor de eleições para diretores e coordenadores de escolas públicas municipais?
Parciais