Sorriso FM 99,1

05/02/2019 18:07
Lida 975 vezes.

Tâmara Figueiredo


Realizada na noite dessa segunda-feira, 04/02 no Centro de Eventos Ari José Riedi, em Sorriso a primeira reunião com os pais e responsáveis dos alunos que vão ingressar na Escola Estadual da Polícia Militar Tiradentes Cabo PM Antônio Dilceu da Silva Amaral nesse ano letivo de 2019. O auditório Magessi esteve lotado por pais que buscam na Escola Militar um diferencial na vida escolar dos filhos.

Genivaldo Mendes da Silva disse que levou seu filho para a Escola Militar acreditando na qualidade de ensino “A disciplina que ajuda muito né? Já ouvi falar muito bem do colégio e espero que meu filho se dê bem, porque a escola é muito boa”.

Ananias Souza Filho compartilha da opinião e disse por que trouxe sua filha para o colégio militar. “Por causa da organização, da ordem e da disciplina, para ver se coloca na cabeça dela um ideal diferenciado, devido o padrão de qualidade não encontrado nas demais escolas municipais ou estaduais”.

O diretor da escola Militar Tiradentes, major Hilton Botelho falou sobre a reunião que contou com a presença maciça dos pais. “A participação dos pais, o engajamento das famílias de Sorriso em educar seus filhos é visível. Temos certeza de que iremos realizar um excelente trabalho por conta do comprometimento dos pais”.

Sobre a busca dos pais por ordem, hierarquia e disciplina o diretor afirmou que é uma demanda da sociedade. “As famílias querem ver o que temos em casa refletido na escola e no trabalho.Esses valores familiares, valores da célula máter da sociedade que é a hierarquia, a disciplina, com o pai, com a mãe, com o tio, com o avô, que tínhamos quando crianças e não precisávamos por exemplo, estudar em uma escola militar para ter isso. Mas esse clamor, ele vem no sentido de resgatar valores que adormeceram ao longo do tempo. Vale ressaltar que as outras escolas trabalham também isso. A ênfase é maior na Escola Militar, justamente porque nos princípios de atuação militares fica bem visível a hierarquia e disciplina e a Escola Militar está para contribuir com o trabalho que já é realizado em Sorriso”.

Na escola militar há uma forma diferenciada de avaliação, onde o aluno tem que somar 11 pontos, justamente um ponto de conceito da disciplina e organização “Temos alunos nota 11 na nossa escola, porque realmente se esforçam e conseguem gabaritar em tudo e tem disciplina nos estudos. Essa é uma forma de valorizar o estudo do aluno, aquele esforço a mais que o aluno dá. Esse um ponto a mais vem nesse sentido, para ter um incentivo a mais para estudar. No final fazemos um simulado, já pensando no Enem e vestibulares para ele já ir treinando para isso, tanto intelectual, quanto psicologicamente”.

E os resultados são alunos que se destacam e conseguem vagas em Universidades de renome “As aprovações que tivemos nesse ano em vestibulares, inclusive faculdades públicas fora do Estado, como alunos aprovados em SP e até fora do País, como uma aluna que vai cursar Medicina na Argentina, na Universidade de Buenos Aires, enfim todo esse discurso que tentamos passar para os pais é visto na prática quando verificamos os resultados desses alunos nas provas”.

Veja também


Enquete
Você aprova ou desaprova o projeto da Reforma da Previdência?
  • Parcial