Sorriso FM 99,1

13/10/2018 17:23
Lida 293 vezes.

Fernando Luiz - Depto Jornalismo/ Ascom Aprosoja

O Circuito Tecnológico Soja de 2018 já tem data para começar. A expedição será dividida em duas semanas. Na primeira, de 15 a 19 de outubro, as equipes da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) estarão nas regiões Norte e Oeste. Na segunda semana, de 22 a 26 de outubro, será a vez das regiões Sul e Leste.

Na primeira etapa, serão quatro equipes na Região Norte e três equipes na Oeste. Já na segunda semana, a Região Sul contará com quatro equipes, a Leste com três equipes e ainda haverá mais uma equipe que percorrerá trechos limítrofes entre as duas regiões, como por exemplo, o município de Paranatinga.

O Circuito Tecnológico Soja chega em sua 10ª edição com algumas novidades. A primeira delas é que o questionário aplicado anualmente sobre a safra de soja terá menor número de perguntas e questões mais técnicas.

“Também levaremos mais informações institucionais sobre a Aprosoja e vamos entregar uma cartilha de fertilizantes, além de fazer as tradicionais coletas de amostras de sementes e fertilizantes. O Circuito Tecnológico é primordial para o levantamento de informações e demandas do campo. É neste cenário que identificamos problemas e soluções para os produtores rurais, entre eles podemos citar o projeto Classificador Legal, Semente Forte, bem como as deficiências na armazenagem e problemas com fertilizantes”, explica a gerente de Sustentabilidade da Aprosoja, Marlene Lima.

Os produtores rurais que receberão as equipes da associação também contarão com explicações sobre métodos imediatos para avaliação de fertilizante, caso esteja com dúvida sobre o produto recebido. “São três que eles podem fazer caso acreditem que contenha calcário ou outro corretivo que possa alterar a composição do fertilizante. Um é o teste com suco de limão, outro o teste de cor e também existe o teste de solubilidade. E todos serão apresentados aos agricultores”, informa a analista de Sustentabilidade, Ianna Marília Alves.

Equipes - Neste ano, as equipes do Circuito Tecnológico serão compostas por colaboradores da Aprosoja e demais empresas parceiras, como Dimicron, Bayer, Tecfertil e Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea).


Veja também


Enquete
Como você avalia o atendimento às ocorrências de reclamações de "Som Alto" em Sorriso?
  • Parcial