Sorriso FM 99,1

05/10/2018 10:29
Lida 235 vezes.

G1/MT

Nenhum detento das unidades prisionais de Mato Grosso manifestou interesse em votar no próximo domingo (7), segundo a Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).

Ainda segundo a Sejudh os presos provisórios são que têm direito ao voto. No entanto, para que uma urna fosse disponibilizada em uma unidade prisional, pelos menos 30 detentos teriam que manifestar o interesse em votar. O que não ocorreu.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), os detentos são questionados em março sobre interesse em participar das eleições. Caso algum deles requeira o direito ao voto, o TRE providencia os documentos para torná-lo apto a votar, no dia das eleições, em outubro.

Na pesquisa feita este ano, segundo o TRE, nenhum preso optou pelo voto.

Uma das justificativas para isso, segundo a Sejudh é que, muitos preferem não ter documentação regular ou fornecer o endereço.

No caso dos presos condenados, em regime fechado, por estarem em inconformidade com a lei, perdem os direitos, inclusive de votar.

Atualmente, Mato Grosso tem 11.600 presos, distribuídos nas 55 unidades prisionais do estado.

Veja também


Enquete
Em sua opinião, qual o principal desafio dos educadores?
  • Parcial