Sorriso FM 99,1

27/08/2018 17:20
Lida 627 vezes.

Tâmara Figueiredo


O candidato Darci Gonçalves, o Darci do Carolina foi o entrevistado do programa A Voz do Povo desta segunda-feira, 27 de agosto 2018. Ele começou se apresentando com morador de Sorriso há 34 anos, chegou a Sorriso em 1985, quando ainda era distrito, disse que é atualmente suplente de vereador tendo obtido 662 votos no último pleito, tendo assumido por um mês como vereador em 2016. Esteve à frente do departamento de Habitação, participou da liga municipal de futebol amador, foi presidente de bairro por três mandatos, atualmente presidente do bairro Jardim Carolina do qual é morador.Foi líder de grêmio estudantil, sempre que pode esteve à frente do povo menos favorecido levando o serviço social às pessoas. Disse que se sente preparado para representar a sociedade matogrossense na Assembleia Legislativa. “Acredito senhores, que não precisa ter dinheiro para você ser candidato, você precisa ter honestidade, gostar das pessoas e trabalhar para o bem comum, que é o bem de todo munícipe”.

As perguntas que ele respondeu foram sobre os temas sorteados pelo próprio candidato no momento da entrevista.

Sobre Agricultura e Meio Ambiente, Darci do Carolina respondeu a seguinte pergunta sobre Projetos para o incentivo para a vinda de empresas para a diversificação da produção e a desburocratização quanto às licenças ambientais. “Com relação à agricultura precisamos usar a nossa pujança existente em nosso município para atrair investidores no sentido da geração de emprego e renda pra nossa população. Tanto o grande, como o pequeno agricultor, não é que ele não tenha vontade de produzir mais, a questão ambiental precisa de uma gestão junto ao governo do Estado para facilitar a vida do produtor. Hoje nosso país é muito burocrático, o cidadão não faz mais porque esbarra na lei. Hoje somos o campeão do agronegócio, produzimos carne, peixe, soja, feijão, algodão, mas falta realmente usar essa produção espetacular para atrair investidores para o nosso município. Vejo hoje a dificuldade você produz a sua produção sofrida na sua fazenda, no seu sitio e quando se vai comercializar, não ficamos com nada, quem fica com o bom é a China e por aí em diante, todos sabem disso. E o trabalhador que fica lá na fazenda, que levanta às 4 horas da manhã para trabalhar, com dificuldade para sustentar sua família. O fazendeiro se profissionalizou, hoje temos uma agricultura de ponta e de qualidade e isso foi sofrido, dificultoso. Tenho muito orgulho do agronegócio no nosso município, se não fosse o agronegócio nosso País certamente estaria num caos como a Venezuela. Quem carrega nosso País nas costas é o agronegócio. Temos que tirar o chapéu para o agricultor, para o trabalhador rural, o nosso empresário que paga altas cargas tributárias. Esperamos que isso venha melhorar , e que Sorriso consiga atrair investimentos na agricultura pra ficar aqui o nosso produto e ser uma fonte de renda e emprego para as pessoas”.

Darci também respondeu sobre o tema Obras, Infraestrutura e Moradia. Respondendo sobre obras inacabadas da Copa do Mundo, como o VLT e trincheiras e como resolver esta problemática. “costumo falar que a Copa do Mundo no Brasil serviu para enriquecer uma minoria. O que acontece em Mato Grosso e na Capital do Estado é uma vergonha. O Centro de Treinamento da Capital é uma das obras que deveria ser uma das primeiras a ficar pronta, porque iriam trazer duas seleções estrangeiras para a Capital. E o Centro de Treinamento está abandonado, o VLT abandonado, nem o próprio estádio ainda foi entregue em definitivo para o povo de Mato Grosso. Precisamos, enquanto deputado, fazer uma gestão junto ao MPE para verificar onde foi parar o dinheiro dessas obras, retomar o dinheiro para dar continuidade a essas obras. O Mato Grosso e o povo mato-grossense não pode pagar por um crime que não é nosso. Nós não fizemos esse crime de pegar o dinheiro que era para investir nas obras da Copa do Mundo, obras de mobilidade urbana, e as obras estão abandonadas e isso é uma vergonha internacional para o povo de Mato Grosso e o povo não merece passar por essa vergonha. O Ministério Publico tem que investigar para onde foi o dinheiro e concluir essas obras porque o povo pagou e continua pagando. Eu fico com vergonha quando vejo na TV o VLT, as trincheiras de Cuiabá, todas abandonadas, o prefeito está colocando terra e plantando grama onde deveria passar os trilhos, mais um gasto para a população. A credito na justiça e temos que cobrar junto aos órgãos competentes para retomar essas obras”.

Sobre o tema Esporte e Lazer, Darci respondeu a pergunta sobre políticas públicas paraa criação de espaços voltados aos jovens para prevenção às drogas e atos de infrações. “Essa questão do esporte, eu considero como uma questão social também. Precisamos urgentemente levar as escolinhas de futebol aos bairros mais carentes. Isso é uma grande oportunidade de tirar a criança que estuda um período e o outro período que ela não tem o que fazer, ela fica na rua, desocupada. Levando as escolinhas para os bairros, nós vamos com certeza, tirar essa criança da rua, porque ela vai estar envolvida no esporte, os pais vão estar tranquilos e eles vão ser cidadãos de bem. Quero falar um pouco também do nosso atletismo, temos motivo de orgulho hoje em Sorriso, temos atletas que estão na seleção brasileira, parabéns ao técnico de Sorriso. Precisamos urgentemente fazer gestão para construir uma pista decente para aquele povo, que dê melhor qualidade e melhor rendimento esportivo. Também voltando nessa questão de esporte o próprio skate tinha uma pista ali no Domingão mas foi desmanchada e essa turma de hoje não tem onde praticar o esporte. Improvisaram na quadra abandonada do bairro Bom Jesus e estão lá do jeito que podem e estão praticando o esporte. Precisamos dar atenção a todos os setores do esporte que estão deixando a desejar no nosso município. Como deputado quero ajudar muito a resolver essas questões. Primeiro, das escolinhas nos bairros, o skate que precisamos fazer uma gestão para construir um local para eles e para a juventude já foi prometido muitas vezes um espaço e não sou eu que vou aqui prometer mais uma vez, mas a juventude precisa ter seus momentos de lazer, precisamos pensar com carinho na juventude de Sorriso, haja visto que é a maioria da população hoje que habitam hoje o nosso município e serão os futuros mandatários do poder. Podem contar com o Darci do Carolina em todas as áreas do esporte, que é uma das coisas que mais gosto e defendo”.

Sobre Trânsito e Mobilidade Urbana, cuja pergunta foi sobre a resolução para o problema de estacionamentos para caminhões. “Esse assunto é preocupante, vivemos numa região essencialmente agrícola, e temos um numero grandioso de caminhões no nosso município. As pessoas muitas vezes ficam bravas de ter caminhão dentro da cidade, mas é um mal necessário. Precisamos adquirir uma área, porque eles não podem estacionar em qualquer lugar. Precisamos fazer uma gestão junto ao município para aquisição de uma área grande, já existem empresários penando nisso, mas não e suficiente ainda, precisamos de um espaço para os caminhões para não ficar atrapalhando o trânsito da cidade. Tenho muito carinho pelo caminhoneiro porque é o caminhoneiro que transporta as riquezas do nosso País e do nosso município. Sem o caminhoneiro, todo mundo viu que o nosso País parou a poucos dias atrás, porque o caminhoneiro parou. Então nós precisamos dar atenção ao caminhoneiro e só vamos resolver essa questão com um espaço adequado, com infraestrutura adequada e com gestão junto ao município, adquirindo uma área para construir essa infraestrutura , que é merecedora de todo caminhoneiro, ter esse espaço”.

Sobre o tema Geração de emprego e Renda a pergunta foi sobre o incentivo e fortalecimento das pequenas e micro empresas para geração de emprego e maior distribuição de renda.“Já comentei sobre este assunto, estamos entre os 10 países em desigualdade social, isso é uma vergonha para o Brasil. Temos uma agricultura forte, precisamos usar o que temos de bom e de melhor para atrair investidores, para gerar emprego e melhorar a qualidade de vida de todas as pessoas. Hoje nós temos em Sorriso muitas pessoas desempregadas e passando dificuldades com suas famílias por estarem desempregadas, pagam aluguel e só vamos melhorar isso com a gestão, usando o bom nome que Sorriso tem lá fora, para atrair investidores para nosso município, usando o agronegócio, usando a carne que temos, usando o peixe que temos. E fazendo uma gestão junto ao governo do Estado e parcerias com empresários para que venham se instalar em nosso município. Nós temos tudo a oferecer, hoje temos uma logística muito boa no nosso município, precisamos melhorar, sim, mas já temos o aeroporto, já temos várias questões que estão andando. Precisamos de parceria para construir, asfaltar aquela estrada que liga ao Pontal do Verde, fazer parceria com o governo do Estado. E assim tudo que for de logística, consigamos trazer para Sorriso para atrair mais investimento. Temos a obrigação de como deputado, trabalharduramente na geração de emprego e só vamos conseguir isso, fazendo gestão quanto ao agronegócio para trazer empresas para Sorriso. Algumas empresas já estão se instalando aqui mas podemos trazer muito mais, pois Sorriso é uma potencia nacional. E é triste ver uma família passando por necessidades por falta de emprego. Quero trabalhar duro para trazer industrias e empresas para gerar emprego para o nosso podo”.

Na pergunta de tema livre, Darci respondeu sobre o fato de já ter sido candidato a vereador, apesar de ter obtido 662 votos, não foi eleito não tendo o apoio nem mesmo de seu irmão que também foi candidato. A pergunta foi se ele realmente vê chances reais de ser eleito e se tendo tantos candidatos Sorriso possa correr o risco ficar sem nenhum deputado eleito. “Meu irmão ele resolveu ser candidato também.Como os dedos das mãos são diferentes, na família também é assim. Eu já havia decidido ser candidato e ele decidiu ser candidato também, mas nada pessoal e nada contra. Hoje o que o povo menos confia é na classe política. Você não precisa ter dinheiro, as vezes dizem assim , ah mas o Darci do Carolina? Primeiro para ser político tem que gostar de gente, ter humildade e honestidade e isso eu tenho. Eu acredito muito na minha vitoria , que as pessoas estão cansadas de mesmice e que estão vindo abraçar minha candidatura, acredito que depois do dia 07 de outubro estarei vindo aqui como deputado. Acho que tenho capacidade, conheço a região de MT e estou pronto para ocupar essa vaga”.

Darci se despediu dizendo que acredita na sua eleição “Sou candidato porque acredito que nosso país ainda tem jeito, acredito que possamos construir uma nova República. Quero pedir a todos os amigos, irmãos ao povo da Poranga, do Casulo, do meu bairro Carolina que sempre estiveram comigo nessa caminhada. Meu nome é Darci do Carolina, quero que você vá às urnas e vote, se não quiser votar em mim vote nos deputados de Sorriso, deixe seu voto aqui. Sorriso tem que viver um novo tempo, MT e o Pais tem que viver um novo tempo. Peço seu voto, conto com você e que Deus nos ajude nessa caminhada.Dias melhores virão, se Deus quiser.Agradeço aos eleitores da eleição passada que consegui 662 votos, conto com seu voto. Peço que todos tenham muita Fé que teremos um País, um Mato Grosso e uma Sorriso melhor , que Deus abençoe o povo de Sorriso”.

Veja também


Enquete
Em sua opinião, qual o principal desafio dos educadores?
  • Parcial