Sorriso FM 99,1

08/08/2018 16:59
Lida 797 vezes.

Tâmara Figueiredo


Nesse dia 07 de agosto a Lei 11.340 conhecida como Lei Maria da Penha completou 12 anos de existência como principal instrumento de transformação social para a mulher. A lei trata a violência doméstica como crime e visa criar mecanismos para coibir e prevenir a agressão praticada dentro do âmbito familiar e proporcionar uma rede de proteção à mulher vítima de violência.

A cada 7 segundos uma mulher sofre violência física no Brasil. A cada 2 minutos uma mulher é vítima de arma de fogo no País e a cada 22 segundos, uma mulher é vítima de espancamento. São dados alarmantes, que podem ser observados em um relógio da violência, criado virtualmente para que o internauta possa realmente conhecer os tipos de violência praticados e poder sentir que à medida que um rápido espaço de tempo passa, mais uma mulher é vitimada.

E a violência contra a mulher vai muito além da violência física, a mulher continua sendo vítima de assédios moral, sexual e também no trabalho, ou até mesmo no transporte público. A mulher infelizmente passa por violência psicológica e também é ameaçada ou perseguida.

Para falar sobre o assunto, esteve no programa A Voz do Povo, na rádio Sorriso FM, o juiz Anderson Candiotto, titular da Vara Especializada em Violência Doméstica em Sorriso, diz que aqui não é muito diferente. No município, muitas mulheres também sofrem com a violência doméstica. Ele cita que Sorriso ocupa o segundo lugar no Estado de Mato Grosso em números de violência doméstica, já estão em tramitação 933 medidas protetivas, sendo uma média de 3 pedidos de proteção por dia.

Na delegacia da Polícia Judiciária Civil está em funcionamento um Núcleo de Atendimento à Mulher para atender vítimas de violência doméstica. O magistrado cita que a denúncia é o caminho para que a mulher se liberte do agressor. Existe um canal direto para denúncias, que é o número 180. Mas casos mais graves que necessitem de atendimento imediato as mulheres devem ligar para a Polícia Militar, no 190.

Veja também


Enquete
Em sua opinião, qual o principal desafio dos educadores?
  • Parcial