Sorriso FM 99,1

09/07/2018 07:41
Lida 639 vezes.

Fernando Luiz/ Esporte

ASF – Associação Sorriso de Futsal é CAMPEÃ ESTADUAL MATOGROSSENSE

Depois de ser Bicampeão Estadual de Futebol com o SEC - Sorriso Esporte Clube nos anos de 1992/93, a cidade de Sorriso volta dar o grito de CAMPEÃO ESTADUAL MATOGROSSENSE, agora na modalidade de FUTSAL, troféu conquistado na capital do estado, depois de passar na semifinal e se candidatar para a finalíssima contra a representação de Cáceres. Foram quatro etapas, disputadas pela equipe de Sorriso dentro desta competição, intercaladas pela participação na Seletiva da Copa Brasil, disputada no Piauí e que, apesar do time não passar para a Primeira Divisão Nacional, serviu para que a equipe ganhasse, mais do que experiência, o técnico ganhou a confiança do plantel e conheceu mais a fundo seus principais jogadores.

Equipe superou trauma das quartas de final

A quarta fase disputada em Sorriso, durante a temporada 2018 do Campeonato Estadual – Ginásio Firmino Maleski, passou por algumas situações no mínimo desagradáveis, mas que não abalaram a equipe, aliás, deu mais combustível para que o time entrasse em quadra, sabendo que somente vencendo seus jogos chegaria ao objetivo final que eram a conquista do título. Nem as palhaçadas do técnico e Cáceres, simulando agressão e registrando na Delegacia de Polícia, nem mesmo a equipe sorrisense perdendo a primeira posição da fase e muito menos o que Alto Paraguai fez, com invasão de jogadores do banco de reservas, para evitar gol do adversário, tiraram o foco dos atletas sorrisense.

Semifinal contra Colíder equipe mostrou aprimoramento nas finalizações

Já na quarta fase do ESTADUAL DE FUTSAL MAOGROSSNSE, o time comandado pelo professor Manuel, colocou em pratica o aperfeiçoamento das finalizações, chegando a média de quatro gols por partida assim como o sistema defensivo, sofrendo média de um gol por jogo. A equipe foi envolvendo o adversário e aproveitando a pressão nas saídas de jogo, para acumular gols e chegar ao placar final vencendo por 7x4 e carimbando a passagem para decidir o título. No outro jogo a equipe de Cáceres passou por Campo Verde e seria adversário da ASF pela terceira vez no mesmo ano, na mesma competição.

Na final o gol de empate saiu faltando quinze segundos

Parecia que seria bem mais fácil do que se poderia imaginar. A equipe sorrisense saiu vencendo por 2x0 e desperdiçando inúmeras oportunidades de ampliar. O velho ditado entra em quadra. “Quem não faz… leva” e foi assim no final do primeiro tempo e início da segunda etapa. Empate no placar e tudo novamente começava da estaca zero. O goleiro linha teria sido uma excelente alternativa se a equipe não tomasse a virada, e o que poderia ser tranquilidade virou desespero. Somente faltando quinze segundos a equipe ganharia a possibilidade da prorrogação, ao igualar o placar em 3x3. No tempo extra com novo empate, obrigava a decisão para as penalidades máximas. “Quem erra menos… vence”, foi outro ditado, agora a favor da equipe de Sorriso.O trio de cobradores de Sorriso foi mais competente e converteu todas as cobranças, enquanto a equipe cacerense tropeçou no goleiro Alisson - base de Sorriso, que se tornou o herói do título, ao defender duas cobranças.

Festa da pequena, mas entusiasta torcida que saiu de Sorriso no sábado pela manhã, em ônibus fretado, para empurrar o time no Ginásio da UFMT em Cuiabá. O grito de CAMPEÃO ESTADUAL MATOGROSSENSE que estava entalado há longos 17 anos, finalmente foi liberto, e a festa não poderia ser diferente, com o tradicional, “SORRISO É CAAAMMPEEEEÃÃÃÃOOOOO. “É um projeto que está somente iniciando, mas vamos por etapas, foi dado um primeiro passo, agora aos poucos vamos aprimorando”, comentou em voz baixa um dos integrantes da Comissão Técnica e da diretoria, mesmo com a euforia do título.

Já em Sorriso a equipe carregou os Troféus – ROTATORIO E DE CAMPEÃO, pelas principais ruas e avenidas em carro aberto do Corpo de Bombeiros, recebendo por onde passavam o carinho em forma de aplauso da população.

Veja também


Enquete
Que nota você dá para a Administração Municipal de Sorriso em 2018?
  • Parcial