Sorriso FM 99,1

14/06/2018 11:48
Lida 286 vezes.

Assessoria


Por meio do Requerimento n° 163/2018 os vereadores estão cobrando da presidência do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), em Brasília, e da direção da agência do INSS em Sorriso, informações referentes à paralisação da construção do prédio do INSS no Município. Eles também pedem que sejam tomadas as providências cabíveis e urgentes para conclusão da obra.

Atualmente, de forma provisória, o INSS atende dezenas de pessoas de Sorriso e região, diariamente, em prédio alugado, na Avenida Ademar Raiter, na região central.

A futura agência está sendo construída em um terreno de cerca de 850 m² doado pela Prefeitura Municipal. As obras – que tiveram início no mês de março de 2013 e deveriam ser concluídas no mês de novembro daquele ano – estão abandonadas.

O investimento nas instalações da nova sede – com 330 m² – gira em torno de R$ 1,1 milhão. “Até o momento, a obra não foi concluída, porém falta pouco para finalizá-la. Mas, a cada dia que passa, o desgaste causado pelo abandono e pela depredação de meliantes contribui para a deterioração das novas estruturas ali construídas”, cita o propositura.

Conforme o requerimento, em virtude do expressivo crescimento populacional da cidade nos últimos anos, o poder público vem realizando parcerias com o INSS com a cedência de servidores e de equipamentos e com o aluguel do prédio para não prejudicar o cidadão. “É inadmissível ver os recursos ali aplicados sendo desperdiçados enquanto o poder público precisa arcar com as despesas numa estrutura inadequada para dar conta de uma demanda prioritária ao cidadão”, criticam os parlamentares.

Desde 2013, quando a obra foi paralisada, a Câmara de Sorriso tem cobrado providências dos órgãos competentes.

Veja também


Enquete
Em sua opinião, qual o principal desafio dos educadores?
  • Parcial