24/05/2018 15:42

Quantidade de visualizações: 482

Tâmara Figueiredo


Com a chegada do período de festas de São João, o Corpo de Bombeiros Militar de Sorriso promoveu um curso de capacitação a todos os interessados em realizar festas juninas, como representantes de escolas, igrejas e outras entidades que costumam realizar as festas neste período do ano.

O Comandante do Corpo de Bombeiros de Sorriso, capitão Weber fez um alerta sobre as principais normas que são voltadas para eventos temporários e evitar riscos.

O alerta vai desde os riscos de brincadeiras geralmente realizadas nas festas juninas como fogueiras e fogos de artifícios que podem resultar em acidentes e até tragédias, além de causar danos à sociedade e ao meio ambiente, como os balões, que podem provocar incêndios onde caem.

Os bombeiros alertam sobre o risco de queimaduras pelo manuseio de fogos de artifício, bombinhas e os chamados “estalinhos” e lembra que as crianças devem ser orientadas sobre uso de bombinhas, quanto ao risco, pois podem causar ferimentos graves.

Dependendo das proporções do evento, os promotores de festas devem contratar um engenheiro para fazer o projeto da festa. É preciso também a retirada do alvará junto ao Corpo de Bombeiros. Para instalar a rede elétrica do arraial devem procure profissionais capacitados para fazer o serviço.

Orientações também foram dadas quanto a saídas de emergência e uso de extintores de incêndio. Mesmo em espaços abertos é preciso uma sinalização e uso de extintor.

Sobre uso de fogões, fogareiros e uso de óleo quente para frituras devem ser evitados. Os alimentos devem ser levados prontos para locais de aglomeração de pessoas.

Quanto às fogueiras, não devem ser montadas próximo à rede de energia elétrica e devem obedecer a um limite máximo de altura de 1,5m. A principal recomendação é realizar a fogueira longe de residências e de produtos inflamáveis. Também é indicado limpar a área ao redor (aceiros) para evitar que as chamas se alastrem. No fim da festa, ao apagar o fogo, é importante jogar água e enterrar as cinzas.

Para shows pirotécnicos também deve ser contratado profissional habilitado. A queima de fogos independente da classe de cada produto deve ser realizada em local afastado, distante do público, casas e fiação de energia elétrica.