04/04/2018 08:39

Quantidade de visualizações: 382

Assessoria

O prefeito de Sorriso, Ari Lafin, recebeu ontem (03), o presidente da Federação Brasileira de Plantio Direto e Irrigação (FEBRAPDP), Jônadan Ma, o ex-presidente e também integrante da diretoria da Federação, Alfonso Adriano Sleutjes e o diretor do Sindicato Rural de Sorriso, Luimar Gemmi, para debater o 16º Encontro Nacional de Plantio Direto, que será realizado no município em agosto.

Ma e Sleutjes agradeceram o apoio do município para a realização do encontro. “Este é o maior evento de agricultura sustentável realizado no país”, destacou Ma. Segundo o presidente da Federação, a opção por realizar o evento em Sorriso se deu naturalmente. “Foi uma demanda apresentada pelos próprios agricultores do município que nos procuraram para discutir a renovação e tecnologias e a agricultura produtiva e sustentável”, explicou.

Para o prefeito, a realização do encontro no município destaca o potencial econômico, agrícola e de sustentabilidade sorrisense. “Somos referencia em produção de grãos, em empresas de pesquisa e tecnologia de ponta e cada vez mais nossos produtores estão com os olhos voltados para a produtividade acompanhada de sustentabilidade”, afirmou.

Além de Lafin, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Cláudio Drusina, participou da reunião.

O evento

As inscrições para o 16º Encontro Nacional de Plantio Direto estão abertas. O evento terá início no dia 1º de agosto, com a abertura oficial e programação de palestras, debates e mesas redondas, encerrando as atividades no dia 03 de agosto com minicursos e Dia de Campo.

Nesta edição são esperados mais de 1.000 participantes entre produtores, assistentes técnicos, consultores, professores, pesquisadores, empresários e estudantes que tenham interesse em apresentar resultados, debater e informar-se sobre os avanços tecnológicos, aplicações, novos rumos das pesquisas na área do Sistema Plantio Direto.

O Sistema Plantio Direto oferece aos produtores maior rentabilidade da produção, associada a redução dos custos e a possibilidade de conciliar a produção agropecuária com a proteção ambiental. Mas os desafios são enormes e levar o evento para o Mato Grosso demonstra o interesse de encararmos as dificuldades e buscamos coletivamente as soluções.

Como referência nacional, o evento tem como objetivo divulgar não apenas os resultados de pesquisas realizadas, como também contribuir para o aprimoramento do conhecimento cientifico e tecnológico, fator importante para a evolução da produção, do ensino, da pesquisa e da indústria.

O evento é promovido pela Federação Brasileira de Plantio Direto e Irrigação, o CAT – Clube Amigos da Terra – Sorriso/MT, o Sindicato Rural de Sorriso e o IMAMT – Instituto Mato Grossense do Algodão.

As inscrições antecipadas deverão ser feitas somente pela internet no site do evento onde também estão disponíveis todos os detalhes do encontro.