Sorriso FM 99,1

08/03/2018 15:13
Lida 1005 vezes.

Decom

Sorrisenses maiores de 15 anos que queiram estudar tem agora uma nova oportunidade. Isso porque a Secretaria Municipal de Educação e Cultura aderiu ao programa “Muxirum”, desenvolvido pela Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) para alfabetização de jovens e adultos.

Interessados em integrar o Muxirum no município, podem obter mais informações na Semec, pelo 3545-8100 ou diretamente com a coordenadora pedagógica do projeto, professora Iluir Lorensetti Tiecher, pelo 99653-6731, com o coordenador, professor Jairo Brizola, pelo 99715-9036, ou com também coordenadora, professora Luciana Guerra 99977-6230.

O objetivo do programa é diminuir a taxa de analfabetismo no Estado, propiciando a alfabetização de pessoas jovens a partir dos 15 anos e adultos de qualquer idade.

De acordo com Brizola, o levantamento da Seduc apontou que cerca de 54 mil habitantes de Sorriso tem idade superior a 15 anos. Desse total, aproximadamente 4,2% são analfabetos, o que equivale a mais de 2.250 pessoas.

Brizola explica que as aulas serão realizadas em vários locais. A intenção é dividir o município por áreas de interesse. Cada turma contará com um alfabetizador. A perspectiva é iniciar as aulas até o fim de março. Serão seis meses de formação, com carga horária mínima de dez horas semanais. Conforme Brizola, as turmas na área urbana serão de dez até 14 estudantes e na área rural de oito a 12 alunos. Após a alfabetização, para quem deseja continuar os estudos, está disponível no município o Centro de Educação de Jovens e Adultos Arão Gomes Bezerra.

A secretária de Educação e Cultura, Lúcia Dreschler, explica que as escolas municipais serão disponibilizadas no período noturno para a realização do programa. "Também vamos buscar parcerias com igrejas e associações para disponibilizar espaços apropriados em cada região”, destaca.

Lúcia pontua que a Semec está selecionando alfabetizadores interessados em atuar no Muxirum. Os interessados podem procurar a Semec para mais informações. Para cada alfabetizador é ofertada uma bolsa de R$ 500,00. Cada profissional poderá ter até duas turmas.

“Esse é um grande projeto que dará mais oportunidade de formação para os sorrisenses. Após o processo de alfabetização, temos certeza que muitos darão continuidade aos estudos, tendo inclusive a oportunidade de crescimento profissional”, diz Lúcia.

A secretária acrescenta que hoje (08), será realizada uma reunião com a equipe técnica da Seduc para a apresentação da metodologia pedagógica do Muxirum. O encontro será às 16h, na Semec.

Semec, pelo 3545-8100.

Veja também


Enquete
Qual sua opinião sobre os políticos brasileiros?
  • Parcial