09/02/2018 17:04

Quantidade de visualizações: 293

G1

O governo federal deve anunciar até o mês de março um subsídio para compra de gás de cozinha para famílias de baixa renda. A ideia é conceder um subsídio para diminuir o preço do botijão de 13 kg ou ainda disponibilizar verba específica para adquirir o produto no cartão do Bolsa Família.

Com informação de assessores do presidente Michel Temer, com a medida, está descartada a adoção de um mecanismo que promova uma redução linear do preço do gás de cozinha.

Está sendo analisada a criação de um fundo com recursos gerados pela arrecadação de impostos sobre a gasolina e o diesel para subsidiar a compra do botijão de gás de cozinha.

Temer anunciou nesta sexta-feira (9) que o governo está verificando uma “fórmula de reduzir” o preço do gás de cozinha, pois o aumento no preço do produto "tem um efeito grande" no orçamento dos "mais pobres". Segundo o presidente, a decisão será tomada em breve.

Em 2017, o gás de cozinha registrou a maior alta dos últimos 15 anos. O valor do botijão chegou a R$ 66,53 em dezembro de 2017. A alta registrada foi de 16,39% em relação a 2016, descontada a inflação.