06/11/2017 10:56

Quantidade de visualizações: 432

Só Notícias

O lançamento oficial das obras do Hospital dos Olhos, do Lions Clube, ocorreu esta manhã. A unidade está sendo construída na rua dos Ibis esquina com a Palmas, ao lado da Casa de Apoio Padre João Salarini, no Jardim Paraíso. O hospital terá mais de 986 metros quadrados com duas salas de cirurgias, três consultórios médicos, três salas de repouso entre outras repartições. Serão investidos mais de R$ 1,9 milhão. O recurso foi repassado pela prefeitura através de compensação ambiental da Usina Hidrelétrica Sinop. A previsão é que as obras sejam entregues em junho do próximo ano.

“A prefeitura entendeu a necessidade deste hospital. Todo o recurso é de compensação da usina hidrelétrica. A construção está sendo apenas com participação do município de Sinop, com emendas impositivas dos vereadores. Nós não tivemos a participação de nenhum outro município ajudando na obra. Posteriormente, será importante durante o funcionamento e manutenção buscar ajuda das outras cidades. Essa unidade não será apenas de Sinop, mas para toda região. A manutenção será de responsabilidade do Lions, que fará a administração”, disse a prefeita Rosana Martinelli, ao Só Notícias

De acordo com o presidente do Instituo Lions da Visão em Sinop, Alfredo Garcia, a unidade terá capacidade de realizar mais de 50 cirurgias por dia e atenderá as cidades de Cláudia, Sorriso, Vera, Feliz Natal, Terra Nova do Norte, Peixoto de Azevedo, Itaúba, Nova Santa Helena, Colíder entre outros.

“Há três anos estávamos em busca de recursos para construção do hospital. Com a vinda da usina para nossa região houve essa compensação social. A obra é importante porque não iremos mais precisar mandar nossos pacientes até Cuiabá. Vamos atender essas pessoas em Sinop. Serão atendidos mais de 36 municípios”, declarou o presidente.

O hospital será administrado pelo Instituto Lions da Visão Norte de Mato Grosso. Os atendimentos serão feitos através do Sistema Único de Saúde e convênios com as prefeituras. Além das cirurgias de catarata, também serão atendidos casos de pterígio e demais procedimentos. De acordo com o Lions, em Sinop a demanda por cirurgias oftalmológicas ultrapassa a marca de 1,5 mil por ano, para pessoas carentes. A instituição desenvolve o projeto gratuitamente desde 1922.

Participaram da solenidade de lançamento, o bispo Dom Canisio Klaus, o vice-prefeito Gilson de Oliveira, o presidente da câmara, Ademir Bortoli, vereadores, diretores da usina hidrelétrica e do Lions.