08/10/2017 11:09

Quantidade de visualizações: 141

cbf

Luverdense venceu o confronto direto contra o Figueirense e deixou a zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B. O LEC dominou o duelo e venceu sem dificuldades, por 3 a 0, na noite deste sábado, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde. O jogo marcou o encerramento da 28.ª rodada. O meia Sérgio Mota foi o grande destaque, com três assistências.

Com este resultado, o Luverdense chegou aos 34 pontos, saltando da degola para a 16.ª posição. Derrubou para o Z4 justamente o Figueirense, que continua com 32 pontos, na 17.ª colocação. Acima dos dois aparecem Guarani e Goiás, com 34 pontos, CRb com 35, Paysand com 36, e Boa Esporte, Londrina e Brasil de Pelotas, com 37.

Diante de um concorrente direto na briga contra degola, o Luverdense tentou tomar a iniciativa da partida e buscou o ataque desde os primeiros minutos. A primeira boa chance saiu logo aos cinco minutos, quando o meia Sérgio Mota arriscou da entrada da área e a bola tirou tinta do travessão.

Acuado, o Figueirense encontrou muitas dificuldades para tocar a bola. O LEC, por sua vez, continuou rondando a área adversária. Aos 18 minutos, o primeiro gol só não saiu por falta de pontaria do atacante Rafael Silva. Após cruzamento da esquerda, ele subiu sozinho na segunda trave, mas cabeceou para fora.

Somente depois dos 20 minutos, os catarinenses conseguiram respirar um pouco mais e o jogo ficou mais equilibrado. Até que aos 34 minutos os alviverdes mostraram quem manda no Passo das Emas. Sérgio Mota cobrou escanteio da direita e o lateral Paulinho se antecipou na primeira trave para cabecear para as redes.

Na segunda etapa, o Figueirense voltou um pouco mais aceso e conseguiu apertar mais o time mato-grossense. Quem chegou primeiro, entretanto, foi Luverdense. Aos nove, Rafael Ratão pegou sobra a cara do gol, mas chutou em cima do goleiro Saulo. No minuto seguinte, o meia Marcos Aurélio recebeu livre, na pequena área, mas mandou para fora. Duas grandes chances perdidas.

A cada momento que o Figueira parecia gostar do jogo, o LEC chegava com perigo. E foi em uma destas chegadas em velocidade que saiu o segundo gol, aos 18 minutos. Rafael Ratão recebeu passe na área, deixou o marcador no chão e bateu rasteiro, no canto direito do goleiro. Golaço.

Os visitantes sentiram o golpe e não reagiram a tempo de evitar o terceiro gol, ainda aos 20 minutos. O atacante Alfredo recebeu passe de Sérgio Mota na área e tocou com extrema categoria, na saída do goleiro.

Depois do terceiro gol, os visitantes não tiveram mais poder para reagir. O ritmo do jogo caiu drasticamente. Quem poderia ter ampliado foi o time da casa aos 23 minutos, quando Alfredo saiu na cara do gol, mas chutou em cima de Saulo.

PRÓXIMOS JOGOS

No próximo sábado, às 16h30, o Luverdense volta a campo para enfrentar o América-MG, na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG). Enquanto isso, o Figueirense recebe outro concorrente na luta contra a degola, o Santa Cruz, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).