08/08/2017 14:35

Quantidade de visualizações: 239

Folha Max



Caminhoneiros fazem bloqueios na manhã desta terça-feira (8) em quatro trechos da BR-163 e BR-158 em Mato Grosso. É o oitavo dia de protesto contra o aumento do PIS/Cofins sobre os combustíveis, decretado recentemente pelo governo federal. Os bloqueios começaram na terça-feira (1º). Não há informações sobre o número de manifestantes nos locais.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Rota do Oeste, concessionária que administra a rodovia, os bloqueios ocorrem nos seguintes trechos: km 686 da BR-163 em Lucas do Rio Verde (a 360 km de Cuiabá); km 599 da BR-163 em Nova Mutum (a 269 km da capital); km 747 da BR-163 em Sorriso (a 420 km de Cuiabá) e no km 40 da BR-158 em Vila Rica, (a 1.276 km de Cuiabá).

Segundo a concessionária, em Lucas do Rio Verde, a pista foi fechada às 7h15, no km 686 da BR-163. No local, caminhoneiros realizam uma manifestação. Veículos de passeio, ônibus, ambulâncias e carregados com carga viva ou perecíveis têm a passagem autorizada.

Em Nota Mutum, no km 599 da BR-163, o tráfego foi fechado às 8h38. A previsão dos manifestantes é de liberação do fluxo de veículos de cargas das 11h às 13h. Em Sorriso, no km 747 da BR-163, os manifestantes fecharam a pista às 8h31.

Durante o bloqueio, os caminhoneiros impedem apenas a passagem de veículos de carga, porém os veículos de carga que transportam carga viva e perecível e todos os outros tipos de veículos têm passagem liberada.