19/05/2017 14:45

Quantidade de visualizações: 188

HiperNotícias


O ex-governador Silval Barbosa (PMDB) foi citado na delação premiada do empresário Joesley Batista, dono JBS. Entre vários governadores que o Joesley citou, aparece o nome de Silval que teria recebido R$ 40 milhões em propina, e Silval Barbosa (PMDB-MT), que recebeu pagamentos em troca de benefícios fiscais à JBS.

Silval Barbosa está preso desde o dia 17 de setembro de 2015 por conta da Operação Sodoma, que investiga um esquema de cobrança de propina para beneficiar empresas no programa de incentivos fiscais do Estado, com o objetivo de financiar e pagar dívida de campanha.

Conforme a Delegacia Fazendária (Defaz), os investigados teriam montado um esquema de corrupção e lavagem de dinheiro, em 2013 e 2014, nos serviços de concessão de incentivos fiscais pelo Programa de Desenvolvimento Industrial e Comercial de Mato Grosso (Prodeic).

A delação de Joesley Batista caiu como uma bomba em Brasília na última quarta-feira (17). Além do presidente Michel Temer e do senador Aécio Neves, a delação da JBS envolve os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff , ministros da atual gestão e governadores de estado.