19/05/2017 08:40

Quantidade de visualizações: 259

Eduardo Turella com Gazeta Digital

O presidente Michel Temer ouviu na noite desta quinta-feira (18), na companhia de assessores, o áudio gravado pelo empresário Joesley Batista. Após ouvir o áudio, o entendimento de Temer e sua equipe é de que o conteúdo da conversa não incrimina o presidente, confirmando a nota divulgada pelo Palácio do Planalto na noite de ontem (17) e o pronunciamento da tarde de hoje (18).

O áudio tem 38 minutos. Na conversa, Temer e Batista conversam sobre o cenário político, os avanços na economia e também citam a situação de Cunha (PMDB-RJ), que está preso em Curitiba. O entendimento do governo é que a frase dita por Temer “tem que manter isso, viu?” diz respeito à manutenção do bom relacionamento entre Cunha e Batista, e não a um suposto pagamento de mesada pelo silêncio do ex-deputado.

A expectativa do governo é que o STF investigue e arquive o inquérito.