24/04/2017 14:42

Quantidade de visualizações: 510

Futebol Interior

Foi na raça, com muita chuva, bom público e, para dar mais emoção, vaga decidida nas penalidades máximas. Nesse clima, o Cuiabá venceu e eliminou Luverdense, no tempo normal, por 1 x 0, na partida realizada neste domingo, na Arena Pantanal.

O único gol marcado foi anotado por Cleberson Tiarinha, aos 16 minutos do segundo tempo. Como tinha perdido o jogo de ida pelo mesmo placar, a decisão foi decidida nas cobranças de pênaltis e o Cuiabá se garantiu e voltou a vencer por 4 a 2.

O jogo

No tempo normal, o jogo foi pegado, mas com poucos chutes a gol. O Luverdense não se arriscou muito, apostando nos contragolpes, mas o gramado encharcado prejudicou a evolução dos ataques, nas jogadas que exigiam maior rapidez. Pelo Cuiabá, que precisava vencer, Juba e Dackson estiveram numa tarde muito ruim, e apenas Cleberson Tiarinha dava algum trabalho. O resultado de 0 x 0 espelhou o equilíbrio no primeiro tempo.

Segunda etapa de muita emoção

Na volta, mesmo jogando pelo empate foi do Luverdense a iniciativa de sair para o jogo, mas o “Verdão” esbarrou no goleiro Henal, que foi o melhor jogador da partida. Com tantas jogadas desperdiçadas pelo LEC, valeu a máxima do futebol a de que “quem não faz toma”. E foi assim que o Cuiabá ganhou o jogo: Robinho cruzou da direita e Cleberson Tiarinha bem colocado cabeceou entre os grandalhões Dalton e Neguete para fazer 1 x 0, aos 16 minutos.

O Cuiabá passou a mandar no jogo, depois da entrada de Gabriel e Bruno Veiga, no lugar de Leo Salino e Juba, respectivamente. No Luverdense, a entrada de Rodrigo Fumaça em lugar de Douglas Baggio melhorou o poderio do ataque, tanto que Henal fez outro milagre num chute de Fumaça. Com o 1 a 0, deu Cuiabá nos pênaltis. Agora, o Cuiabá enfrenta o Sinop em duas partidas, ida e volta, na decisão do campeonato.