20/02/2017 16:48

Quantidade de visualizações: 376

SAÚDE NA UTI

Tâmara Figueiredo



Uma comitiva formada por mais de 150 pessoas, entre prefeitos, vereadores e deputados devem ir até a capital do Estado para uma reunião com o Governador Pedro Taques para buscar uma solução sobre a situação caótica pela qual passa o Hospital Regional de Sorriso.

A reunião estava marcada anteriormente para o dia 16 e foi adiada para esta terça-feira, 21/02. Segundo o vereador Claudio de Oliveira, de Sorriso seguirá o prefeito Ari Lafin, juntamente com todos os vereadores e também já estão confirmados vários prefeitos da região, que compõe o Consórcio de Saúde que deverá assumir a administração do Hospital Regional em abril próximo.

A visita ao governador ficou definida em uma reunião na Câmara Municipal no último dia 07/02 que contou com a participação dos quinze prefeitos e vereadores dos municípios que compõe o Consórcio Intermunicipal de Vereadores do Vale do Telles Pires. O objetivo foi discutir e encontrar uma forma de resolver o problema da precariedade no atendimento no Hospital Regional de Sorriso.

Hoje a unidade hospitalar enfrenta diversos problemas como: falta de pagamentos à fornecedores, médicos e terceirizados, problemas estruturais e de pessoal. Os prefeitos e vereadores resolveram tomar a frente e buscar a solução o mais rápido possível com o governador Pedro Taques.

O vereador Bruno Delgado disse que não sairá da Capital do Estado sem uma definição sobre o Hospital, que está agonizando na UTI e pede socorro.