12/02/2017 09:42

Quantidade de visualizações: 1670

Eduardo Turella com Olhar Direto

O governador Pedro Taques (PSDB) e os secretários de Cidades (Secid), Wilson Santos e de Assistência Social (Setas), Max Russi, viajam neste domingo (12) para Campo Novo do Parecis (444 km de Cuiabá). Os gestores irão sobrevoar o município e avaliar os estragos causados pela chuva na cidade. Mais de 700 casas já foram invadidas pela água no bairro Jardim das Palmeiras, o maior da cidade, de acordo com dados divulgados pela Prefeitura Municipal na tarde do último sábado (11). Ao todo, foram mais de 300 milímetros de precipitação em apenas 48 horas.

Pedro Taques e seus secretários devem chegar ao município por volta das 10 horas. A intenção é avaliar os estragos e já procurar soluções para o problema. O comandante geral do Corpo de Bombeiros, Coronel Júlio Cesar, também acompanha a comitiva. A Defesa Civil do Estado atua na cidade desde o início do alagamento.

Os alagamentos são comuns no bairro. Nos últimos dias, a chuva já havia inundado as ruas, mas com a continuidade da precipitação a água avançou para as casas dos moradores. O Jardim das Palmeiras é conhecido pelos moradores como “piscinão” por se tratar de um local por onde a água é escoada.

Também está na cidade o secretário adjunto de Proteção e Defesa Civil Estadual, TC BM Abadio Jose da Cunha Junior estão na cidade e auxiliam as famílias atingidas. A Secid informou que em dois dias choveu 300 milímetros na região, fazendo rios e córregos que cortam a cidade subirem em 70 centímetros. Mais de 700 casas já foram invadidas pela água no bairro Jardim das Palmeiras, o maior da cidade, de acordo com dados divulgados pela Prefeitura Municipal.

Apesar dos riscos, algumas famílias ainda resistem em deixar suas casas, por conta disso é que a força-tarefa (equipe de emergência) que está atuando ainda não conseguiu estipular o número exato de pessoas que foram atingidas. As doações aos desabrigados podem ser feitos na Igreja Lutherana, no centro da cidade, e no ginásio da Escola Municipal do Jardim das Palmeiras.


O caso

Pelo menos mil pessoas ficaram desabrigadas em um bairro no município de Campo Novo do Parecis (à 390 Km da Capital). O alagamento foi ainda mais intenso no bairro Jardim das Palmeiras. As famílias desabrigadas foram encaminhadas para escolas públicas da cidade.

A chuva, que durou cerca de três horas, caiu na tarde da última quinta-feira (9) e continuou nestes últimos dias. Conforme o jornalista Willian Tessaro, o bairro Jardim das Palmeiras possui um relevo que dificulta o escoamento da água o que acabou facilitando que a enxurrada invadisse as residências.