14/01/2017 18:16

Quantidade de visualizações: 412

Fernando Luiz com assessoria

Um novo e importante capítulo da história do cooperativismo de Mato Grosso foi escrito com a criação do Sicoob União, que abrangerá também o vizinho Mato Grosso do Sul. Ele nasceu da incorporação do Sicoob Coopertec e do Sicoob Federal pelo Sicoob Credijud, aprovada por unanimidade em Assembleia Extraordinária (AGE) conjunta com a participação de associados das três singulares.

O Sicoob União chega ao mercado com mais de seis mil associados e cerca de 100 colaboradores. Em ativos totais os valores alcançam mais de R$ 73 milhões e as operações de crédito chegam a um total da ordem de R$ 51,9 milhões. Números que tendem a crescer já este ano, com a inauguração de duas novas agências, uma na Avenida Historiador Rubens de Mendonça e outra no Shopping Popular do bairro do Porto, que se somarão aos das três singulares, num total de 11 pontos de atendimento.

Denominada Cooperativa de Crédito, Poupança e Investimento União dos Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul (Sicoob União MT/MS), a singular terá uma área de atuação que abrange 22 municípios em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, incluindo as capitais. A sede e a administração, assim como o foro jurídico serão em Cuiabá. Como é de livre admissão, todas as pessoas físicas e jurídicas que residam em sua área de ação poderão associar-se, desde que estejam em conformidade com as condições descritas no estatuto da singular.

Diretora presidente do Sicoob Credijud e eleita presidente do Sicoob União, Aifa Naomi Uehara de Paula avaliou como bastante positivo o resultado da assembleia. “É o caminho que precisávamos tomar e é nesse caminho que vamos crescer e nos tornar uma grande cooperativa em Mato Grosso e no país”, frisou. Em sua opinião foi também uma demonstração da visão diferenciada que as cooperativas têm em relação ao mercado. “Enquanto o banco demite, encolhe, corta custos, o sistema cooperativo, pelo fato de não visar o lucro individual e sim de todos, expande, abre mais postos de atendimento, contrata mais. Num momento de retração nós nadamos ao contrário do mercado. Então isso é muito g ratificante”, analisou.

Vice-presidente Sicoob Coopertec e agora vice-presidente do Sicoob União, Luiz Carlos Coelho, encara o momento como “um passo gigantesco que as três cooperativas deram no sistema cooperativista de Mato Grosso”. “O que nós queremos com tudo isso é ter oportunidade de dar melhores condições para o nosso associado e crescer dentro do sistema. Com as três juntas melhoramos os nossos ativos, as nossas carteiras e podemos tranquilamente expandir em Mato Grosso todo. Esse é o objetivo dessa união: dar conforto, dar tranquilidade e melhores dias para o nosso corpo de associados”, reforçou.

“O Sicoob União chega como uma cooperativa forte, sólida. É uma nova cooperativa”, festejou o outro vice-presidente, Alexandre Bustamante dos Santos, que presidia o antigo Sicoob Federal. A força, segundo ele, reside não só na junção, mas na experiência profissional dos quadros. “Quando começamos uma cooperativa, na maioria das vezes, somos muito inocentes, não conhecemos o processo. Nesta não. As pessoas que estão tomando a frente dessa cooperativa já trazem para ela a sua experiência, as suas soluções e os desafios que vão ser apontados”, destacou. “A tendência dessa nova cooperativa é expansão e o crescimento e contamos muito com isso, com a ajuda dos colaboradores, diretores e a sociedade como um todo para vir somar conosco”, finalizou.

Além de aprovar a incorporação, a AGE referendou outros nomes que comporão o Conselho de Administração do Sicoob União. Marta Maria, José Luiz Leite e Antonio Oliveira serão conselheiros com função. Enquanto Selma Rosa Cintra de Carvalho, Suany Carvalho, Wermison Ferreira, Hugo Pfannemuller, Admar Pereira, Alicio Pinto, Carlos Davim, Fabius Andrade, Marilza Taques, Marlene Abdo, Nádia Freitas, Elineide Cunha, Joice Viana, Luiz Antonio Martines e Wagner Machado serão conselheiros.

O Conselho Fiscal será composto por Luiz Paulo Lino e Conceição Aleixo (Sicoob Credijud), Rosimar Silva e Augusto Arruda (Sicoob Coopertec), Mickaelson Luz e Maurício Daubian (Sicoob Federal).